Cristãos Livres Para Pensar

"E apliquei o meu coração a esquadrinhar, e a informar-me com sabedoria de tudo quanto sucede debaixo do céu; esta enfadonha ocupação deu Deus aos filhos dos homens, para nela os exercitar." (Eclesiastes 1:13)

29 de agosto de 2012

SOSSEGAI !

Você sabia que um dos mais belos hinos de todos os tempos foi escrito inicialmente para crianças, e por uma professora de escola dominical? É pena que talvez muitos cristãos de hoje jamais tenham visto um coral interpretando tão bela canção!

"Master, the Tempest is Raging!" (Mary Ann Baker : 1831-1921)

Eram tempos difíceis: Chicago, século XIX. A temida Tuberculose já havia levado os pais de Mary Ann Baker quando seu irmão, um rapaz que ela amava, começara a padecer da mesma doença. Desesperadamente, Baker e sua irmã levantam todas as economias para um tratamento na Flórida. O moço foi, mas jamais voltou. E pior, as irmãs não conseguiram recursos para vê-lo antes do óbito, nem puderam acompanhar sua inumação. 
Diante de tão terríveis fatos a moça se rebelou:
“God does not care for me or mine.”(1) “This particular manifestation of what they call ‘divine providence’ is unworthy of a God of love.”(2)
Foi então que um novo encontro com o Mestre acalmou a gigantesca tempestade em seu coração. E meditando no texto de Marcos 4:37-39, preparando canções para seus alunos da escola dominical, lhe veio a inspiração para escrever "Sossegai" (O Rev.  Horatio R.
Palmer inseriu a melodia). A canção viria a ser mais amada e afamada após seu uso na época em que o presidente James Garfield fora baleado e padecia do ferimento que o levaria para sempre em 19/09/1881.
Mary Baker nos traz a lição de que não é sempre no mundo exterior que as tempestades irrompem impetuosas, mas também dentro do coração.  As nossas emoções podem ficar tão turbulentas quanto um mar revolto. Mas lá também nosso Mestre tem o poder de ordenar: "Sossegai (Peace, be still!)"
Mary Ann Baker: "God's way is the best".(3)


Letra original abaixo e link de um vídeo com a tradicional interpretação no Brasilhttps://www.youtube.com/watch?v=1LqLcZXw16c

Master, the tempest is raging!
The billows are tossing high!
The sky is o'ershadow with blackness,
No shelter or help is nigh;
Carest Thou not that we perish?
How canst Thou lie asleep,
When each moment so madly is threatening
A grave in the angry deep?

Refrain
The winds and the waves shall obey Thy will,
Peace, be still!
Whether the wrath of the storm tossed sea,
Or demons or men, or whatever it be
No waters can swallow the ship where lies
The Master of ocean, and earth, and skies;
They all shall sweetly obey Thy will,
Peace, be still! Peace, be still!
They all shall sweetly obey Thy will,
Peace, peace, be still!
Master, with anguish of spirit
I bow in my grief today;
The depths of my sad heart are troubled
Oh, waken and save, I pray!
Torrents of sin and of anguish
Sweep o’er my sinking soul;
And I perish! I perish! dear Master
Oh, hasten, and take control.

Refrain
Master, the terror is over,
The elements sweetly rest;
Earth’s sun in the calm lake is mirrored,
And heaven’s within my breast;
Linger, O blessèd Redeemer!
Leave me alone no more;
And with joy I shall make the blest harbor,
And rest on the blissful shore.

Refrain
......................................................................................................................................................
(1) Deus não cuida dos meus nem de mim.
(2) A manisfestação do que se chama de 'vontade de Deus' não combina com a de um 'Deus de amor'. 
(3) A maneira de Deus é a melhor.

Um comentário:

Adeides disse...

querido irmão, no hinário Cantor Cristão , tem o nome do tradutor: William Edwin Entzminger

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...